Visitas a áreas de produção agrícola contribuem para o aprendizado de alunos do Campus Novo Paraíso

por Márcio Mota publicado 09/09/2017 12h10, última modificação 11/09/2017 16h37
No último fim de semana, alunos do curso Técnico em Agropecuária do Campus Novo Paraíso do Instituto Federal de Roraima (CNP-IFRR), acompanhados pelos professores Alexsandro Soares, Eduardo Ribeiro, Liziane Wesz e Márcio Mesquita Barros, realizaram visitas técnicas a áreas de produção agrícola referência no Estado de Roraima

No último fim de semana, alunos do curso Técnico em Agropecuária do Campus Novo Paraíso do Instituto Federal de Roraima (CNP-IFRR), acompanhados pelos professores Alexsandro Soares, Eduardo Ribeiro, Liziane Wesz e Márcio Mesquita Barros, realizaram visitas técnicas a áreas de produção agrícola referência no Estado de Roraima.

A primeira parada foi na abertura oficial da Colheita da Soja 2017, que incluiu um dia de campo na Fazenda Tucumã, de propriedade de Geraldo Falavinha. A propriedade fica na região do Taiano, no Município de Alto Alegre, no norte de Roraima.

O objetivo da visita foi proporcionar aos alunos a experiência de ver como funciona a cadeia da soja, assim como os sistemas de secagem, armazenagem da produção e o maquinário utilizado em pleno período de colheita, além de permitir que eles compreendessem a importância do crescimento dessa atividade em Roraima e, com isso, vislumbrassem possibilidades de atuação na área, na medida em que podem tanto ser colaboradores como empreendedores do ramo.

No segundo dia de visita, a parada foi na propriedade de Airton Cascavel, a qual é referência em fruticultura no estado. Lá os visitantes tiveram a oportunidade de observar técnicas de cultivo e manejo do açaí, da goiaba, da banana e, principalmente, da manga. Eles também verificaram como funciona o processo de armazenagem dos frutos, que são, em sua grande maioria, exportados para outros estados.

A última visita ocorreu na Granja Só Codornas, de propriedade de André Ferreira, localizada na região do Igarapé Carrapato, próximo à cidade de Boa Vista. No local, os alunos tiveram a oportunidade de compreender como funciona a cadeia produtiva dessa atividade que, na granja visitada, é feita pela própria família, desde a parte operacional até a gestão administrativa. No local, ainda foi possível conferir como funciona o único aviário 100% automatizado de Roraima para a criação de codornas com a finalidade de produção de ovos.

Conforme destacou a professora do CNP Liziane Wesz, “as visitas propiciaram novos horizontes para a formação profissional e acadêmica dos estudantes do campus a parrtir do modelo agrário priorizado para o desenvolvimento econômico de Roraima”.

Para os alunos Vicente Foggia e Fernando Ataíde, as iniciativas proporcionaram experiências que agregam muito à formação profissional. “A oportunidade de ouvir experiências do próprio produtor de codornas, por exemplo, motiva o aluno a se dedicar mais às atividades do curso e também a querer se tornar um empreendedor, seja de codorna, seja de outra atividade agrícola”, disse Ataíde.

 

CCS/Campus Novo Paraíso
8/9/2017
« Novembro 2017 »
month-11
Se Te Qu Qu Se Sa Do
30 31 1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 1 2 3
  

Guia de Recolhimento da União