84 pesquisadores participam de análise de solos no IFRR/Câmpus Novo Paraíso

por Edjane Matias publicado 16/03/2015 10h55, última modificação 20/03/2015 10h56
Dois pesquisadores estrangeiros, um alemão e um norte-americano, acompanharam os trabalhos.

Nesta segunda-feira (16), o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Roraima/Câmpus Novo Paraíso recebeu 84 pesquisadores, entre eles dois estrangeiros, um alemão e um norte-americano, e profissionais pedólogos da Sociedade Brasileira de Ciência do Solo (SBCS). Eles participam da XI Reunião Brasileira de Classificação e Correlação de Solos (XI RCC), que está sendo realizada no Estado de Roraima desde o dia 14 de março e se estenderá até o dia 21 de março. 

Os pesquisadores fizeram a avaliação do solo em dois pontos diferentes selecionados na área de localização do Câmpus Novo Paraíso. Além dessa avaliação, eles fazem, até o dia 21, a análise de mais 14 tipos de solo em áreas definidas em outras regiões do estado. Os trabalhos tiveram início pelo município de Rorainópolis, região sul, e serão concluídos no Município de Pacaraima, região norte de Roraima.

De acordo com o coordenador do evento, José Frutuoso, professor da Universidade Federal de Roraima, a XI RCC possibilitará prover conhecimentos importantes para o desenvolvimento de futuras edições do banco de dados do Sistema Brasileiro de Classificação de Solos (SIBCS), ampliando os canais de cooperação científica na área de ciências do solo no Brasil.

O professor Carlos Matos, do Câmpus Novo Paraíso, esclarece que os pontos avaliados na área da instituição tiveram como base a dissertação de mestrado do professor Raimundo Almeida, também do Câmpus Novo Paraíso. Matos avalia que os resultados estão de acordo com a classificação e a adequação das terras e garantirão que se possa fazer uma reformulação do solo pesquisado para um melhor aproveitamento das suas aptidões agrícolas.  

A Reunião Brasileira de Classificação e Correlação de Solos (RCC) é bienal e ocorre desde 1978. Neste ano, pretende contribuir para o aprimoramento do Sistema Brasileiro de Classificação de Solos, aprofundar e divulgar os conhecimentos sobre os solos do bioma da Amazônia, em especial do Estado de Roraima, assim como estimular o desenvolvimento de pesquisas em solos e promover o intercâmbio entre pesquisadores e professores, de modo a ampliar os canais de cooperação científica na área de Ciência do Solo no Brasil.

            Mais informações sobre o evento estão disponíveis no site: https://www.embrapa.br/solos/eventos/rcc/.

 A Universidade Federal de Roraima (UFRR) é uma das instituições organizadoras do evento. 

« Outubro 2017 »
month-10
Se Te Qu Qu Se Sa Do
25 26 27 28 29 30 1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 31 1 2 3 4 5
  

Guia de Recolhimento da União